Ordenhadeiras: o que é e como usar?

Ordenhar vacas não é uma tarefa tão fácil quanto se aparenta. É necessário todo um preparo e cuidado, e muita experiência para fazer a ordenha de forma correta. Muitos fazendeiros de donos de gados fazem isso com muita facilidade, pois faz parte de seu cotidiano, e muitos de nossos avós também já tiveram a experiência de ordenhar uma vaca, em seu trabalho na roça, como hobby ou como prática de trabalho.

O fato é que hoje, com o avanço da tecnologia, os que precisam fazer esta ordenha mas não possuem muita prática ou simplesmente não se sentem à vontade com a atividade, podem contar com a ajuda da ordenhadeira, e neste artigo falaremos um pouco mais sobre ela, suas variedades e funcionalidades.

Uma ordenhadeira é uma máquina que realiza a ordenha do leite da vaca. Ela realiza a sucção do leite, simulando a sucção que o bezerro faria, o que facilita a aceitação da vaca em utilizar a ordenhadeira. O uso do equipamento mecânico beneficia muito os que necessitam da produção do leite, pois ele otimiza e acelera o processo de ordenha, de forma simples e segura.

As vacas produzem de 5 a 10 litros de leite por dia, e o fato é que a sucção pode auxiliar na produção, portanto a ordenha que simula o movimento de sucção feito pelo bezerro no momento do aleitamento, estimula a produção de leite e beneficia o negócio, e utilizar as ordenhadeiras facilita muito este processo de coleta do leite.

O que e como é uma ordenhadeira fixa?

As ordenhadeiras fixas são ideais para grandes produtores, pois elas possuem sistema de canalização em linha, o que agiliza ainda mais o processo de ordenha e armazenamento do leite. A ordenhadeira fixa é instalada na sala de ordenha, ligada a uma rede elétrica, e as vacas são posicionadas nos guichês para terem o leite ordenhado.

Este tipo de ordenhadeira é a mais indicada para os que possuem um grande número de vacas e necessita de um processo automatizado que poupe tempo e traga retornos.

Vale lembrar que, por se tratar de uma máquina, é necessário saber operá-la corretamente e fazer as manutenções e higienização regularmente, para garantir a segurança da saúde dos animais e de quem estará operando o equipamento.

O que e como é uma ordenhadeira móvel?

Já a ordenhadeira móvel, também conhecida como ordenhadeira balde ao pé, é mais indicada para pequenos produtores. Se trata de um equipamento que pode ser removido e levado até o animal para que seja realizada a ordenha. Ela é mais prática e de baixo custo, ideal para ordenha individual.

A ordenhadeira móvel possui muitos benefícios que podem agregar ao pequeno produtor, como o fato de ela ser adaptável a qualquer estábulo ou local onde queira realizar a ordenha, ela é de fácil manuseio e já vem pronta para o uso, possui rodas para facilitar o transporte e é de fácil manutenção.

Muitos pequenos produtores enxergam nela a agilidade necessária para cumprir a lista infindável de tarefas a se realizar num estábulo, e as tantas responsabilidades de manter o local e os animais bem cuidados.

Assim como a ordenhadeira fixa, a ordenhadeira móvel precisa ser operada com segurança. É muito importante que o produtor e seus funcionários responsáveis pela ordenha saibam manusear corretamente, e façam o trabalho sempre prezando pela segurança e conforto do animal, tornando o momento menos danoso e prejudicial possível.

Com ela é possível ordenhar de 6 a 8 vacas por hora, e seu reservatório possui capacidade de armazenar até 10 litros de leite por ordenha.

Como escolher a ordenhadeira ideal para as suas demandas?

Na hora de escolher qual ordenhadeira instalar em meu estábulo, vale pensar em alguns fatores importantes, como a infraestrutura do local, a quantidade de vacas que precisam ser ordenhadas diariamente, qual a sua média de produtividade e quantos funcionários realizam a tarefa.

É fundamental que todos os funcionários envolvidos no processo saibam manusear o equipamento, e caso não saibam, deverão ser treinados para isso.

A ordenhadeira fixa é a ideal para os que possuem um número superior a 30 animais que deverão ser ordenhados, pois a ordenha pode ser feita de forma simultânea acelerando e otimizando muito o processo. Ela necessita ser instalada e pode gerar um custo de eletricidade que deve ser levado em conta.

Já a ordenhadeira móvel é indicada para os que possuem um menor número de animais e pode realizar a ordenha de forma individual. Seu uso é mais simples e de baixo custo.

O critério de escolha deverá ser principalmente o número de animais que possui, e qual objetivo deseja ser alcançado com o uso das ordenhadeiras.

Esperamos que nosso artigo tenha te ajudado a entender um pouco mais sobre a ordenhadeira e esse universo da ordenha. Na hora de escolher qual a melhor para seu negócio, considere os pontos trazidos aqui e faça uma boa escolha!