Por que os cães choram?

Muitas pessoas se perguntam se os cães realmente choram. Às vezes, ouve-se algum som que simula o choro nos seres humanos e, às vezes, eles também vêem o que poderia ser chamado de lágrimas nos olhos. Mas tudo isso é real?

A resposta é totalmente afirmativa: os cães choram. É algo que não é muito comum, embora não seja estranho. Agora, as razões pelas quais eles choram nem sempre são as mesmas das pessoas. O que eles querem dizer com lágrimas?

Função fisiológica

Ao contrário do que acontece com os seres humanos, as lágrimas dos cães não estão relacionadas ao seu humor e emoções. A principal diferença é que as lágrimas têm uma função importante do ponto de vista fisiológico ou médico, embora em algumas ocasiões também possam ser fonte de algumas doenças, como a conjuntivite.

Golden Retriever triste
Golden Retriever desanimado

As lágrimas ajudam os cães a manter os olhos limpos e livres de partículas que podem danificar o globo ocular. Essa é realmente a sua única função.

Significados

Além dessa função, as lágrimas dos cães também têm significados, sendo também um mecanismo que eles usam para interagir e se comunicar. Em geral, o choro do cão não está relacionado a sentimentos como acontece aos seres humanos, mas a sensações.

De fato, os cães comunicam através de suas lágrimas sua frustração, ansiedade e dor, a fim de externalizar suas necessidades e os conflitos que sentem pelos proprietários e pela família para ajudá-los a superar essa situação.

O caso mais claro do uso do choro pelo cão é encontrado nos filhotes, que aprendem que têm dois tipos de sons: o de chorar e latir. O animal sabe desde a infância que recebe apoio ou atenção quando chora . Assim, eles percebem que o choro é um instrumento útil em sua comunicação para pedir o que precisam e ser concedido pelos proprietários.

No entanto, isso não os faz recorrer a ele com frequência. É utilizado apenas nos casos em que eles observam uma negação completa de suas possibilidades, como sentir rejeição , sentir fome e não ter comida ou não receber os cuidados básicos necessários. É importante deixar claro que o cão nunca chora por capricho.